Blogue do Maia de Carvalho

POR TRÁS DE CADA GRANDE FORTUNA HÁ UM CRIME. Honoré de Balzac

sábado, novembro 18, 2006

Um texto sobre o Alentejo

Alentejo – a única região de Portugal onde o povo canta de braço dado. Onde as pessoas não têm medo do contacto físico das outras. Será o único local do Mundo onde o homem parece confiar no homem?


Gosto da prosa de Miguel Sousa Tavares e o texto dele que hoje o Expresso publica, é lindo!

Só um bocadinho, para saborearem:

«…num céu deslumbradamente limpo de todas as coisas inúteis. É difícil, agora, acreditar que existe vida além desta, que existe outra fé ou outra obediência que não a da razão que rege a natureza.»

Tão diferente de quando diz mal dos professores! [Deve ter um problema freudiano mal resolvido com alguma professora ou professor.]

Também sou admirador fanático do Alentejo.

Não sou necrófilo mas tenho uma amante alentejana morta. Amo quase carnalmente Florbela Espanca.

«Horas mortas, curvada aos pés do monte, a planície é um brasido…»

Depois, se há local onde eu gostava de ter nascido era no Alentejo. Que comunhão com a natureza! Bom, qualquer dia, com a sua betonização não há mais Alentejo, há golfe, há SPAs, há”haciendas” de estrangeiros, muitos hotéis e apartamentos. O Alqueva há muito que é uma sentença de morte para os alentejanos, como os conhecemos.

Os próprios olivais (quilómetros e quilómetros deles) são daqueles anõezinhos, como lhes chama o Saramago, muito produtivos, de fácil apanha, mas propriedade de agricultores espanhóis.

3 Comments:

At 5:45 da tarde, Blogger Márisa said...

Alentejo foi um lugar que nunca me fascinou, nem nunca me despertou curiosidade. Mas agor ao ler este post até que fiquei curiosa. No mundo em que vivemos, infelzimente não se pode, não se deve, nem se consegue confiar em todos os Homens!

 
At 3:11 da tarde, Blogger Minerva McGonagall said...

Eu prefiro o norte do país, mas admito que a cozinha alentejana é... divina! E as praias do litoral alentejano também! Ah, e o alentejo na primavera é muito bonito, enche-se de flores do campo. Não gosto mesmo nada é de ver o alentejo tão seco no verão!

 
At 10:01 da manhã, Blogger João Melo Alvim said...

É o meu destino habitual de férias. Há de tudo, seja no interior ou no litoral (as melhores praias do país, para mim) e ainda não está estragado, nem transformado num Algarve.

 

Enviar um comentário

<< Home