Blogue do Maia de Carvalho

POR TRÁS DE CADA GRANDE FORTUNA HÁ UM CRIME. Honoré de Balzac

segunda-feira, agosto 10, 2009

Gangsters & Poder local



DN de 08-08-2009
Clique na imagem para aumentar e ler melhor



Comparar um gangster, Dillinger, a um presidente de câmara, Isaltino de Morais, é um pavoroso insulto para os gangsters, principalmente para o visado.
Um gangster resolve os seus negócios, opondo a sua inteligência e força à inteligência do banqueiro e dos seus funcionários e não engana nem promete nada a ninguém, salvo a meia dúzia de factotuns que o seguem.
O presidente de câmara, ou candidato a tal, faz mil promessas e engana milhares de eleitores para conseguir os seus fins.
Com toda a honestidade não sei dizer qual é o mais respeitável mas parece-me ser o primeiro, o gangster – pelo menos, espera-se que não exerça nenhum cargo político.

Etiquetas: , , ,

1 Comments:

At 7:43 da tarde, Blogger daniel.abrunheiro@gmail.com said...

Um abraço, meu caro Amigo.

 

Enviar um comentário

<< Home